Principais causas de incêndio em casas e apartamentos

Em consequência de uma mera distracção podemos estar a colocar em perigo tanto as nossas vidas como os bens que temos em casa. Nesse sentido, é importante que conheça as causas mais comuns dos incêndios nas habitações, assim como algumas medidas a tomar para evitar situações de perigo.

Vamos lembrar alguns tipos de prevenção que podem evitar esses sinistros em sua habitação.

1. Electricidade

  • Sobrecarga nas tomadas: Utilização de conexões múltiplas (tê´s) para alimentar vários aparelhos eléctricos ou circuitos, causam sobreaquecimento. 
  • Curto-circuito: Instalações defeituosas.
  • Sobreaquecimento: Aparelhos eléctricos deixados em funcionamento.

2. "Brincadeiras" de crianças

  • Os pais devem estar atentos quanto a esse perigo, pois as crianças são curiosas e ao minimo descuido as coisas acontecem. Não deixe objectos como isqueiros, fósforos e álcool, em locais facilmente alcançados pelas crianças. De preferência esconda num lugar alto para evitar qualquer possibilidade de incêndio.

3. Panelas esquecidas

  • Na confecção de alimentos no fogão ou forno, não deixar plásticos e panos de cozinha por perto. Evite também sair desse local, por mais longo que seja a preparação.

4. Fugas de gás

  • Esse perigo é maior quando os moradores utilizam o gás de botija. Na sua substituição, é importante verificar a pressão da botija e se existe algum ponto de fuga.

Todo o cuidado é pouco!!!