Para que serve o Fundo Comum de Reserva?

O fundo comum de reserva é constituído através do pagamento de uma verba, em separado do valor referente à quota orçamental das despesas do condomínio, cujo objetivo é a conservação do edifício onde todos vivem, pois a própria conservação é que nos dá garantia de segurança. Ajuda a suportar as despesas não previstas no orçamento do condomínio, tais como rebentamento de tubos, reparação da fachada, etc..., ou seja, é criado para atender a gastos de emergência, indispensáveis e imprevistos, evitando a necessidade de emissão de quotas extraordinárias.

Cada condómino contribui com uma quantia de, pelo menos, 10% da sua quota de despesas do condomínio (Ex. Quota do condomínio = 300€; Fundo Reserva = 30€). No entanto, o valor pode ser superior a 10% se os condóminos deliberarem em assembleia, mas nunca inferior.

Este fundo deve ser depositado numa instituição bancária, ficando os condóminos e administrador incumbidos da sua gestão. O administrador não deve movimentar a conta sem aprovação da assembleia.